Weby shortcut
template_issn
Youtubeplay

Repositório TCC

Atualizado em 09/08/18 14:56.

Conheça um pouco da Produção Científica dos discentes do Curso de Comunicação Social - Publicidade e Propaganda através dos Trabalhos de Conclusão de Curso. Boa Leitura!

Trabalhos de Conclusão de Curso defendidos em 2018-1:

 

@_RAWSOULS:

UMA NARRATIVA VISUAL DE BARBADOS ALIADO AO DESTINATION BRANDING

Autora: Ashlee Constance Erica Estiwick

Orientadora: Ana Rita Vidica

Resumo: @_RAWSOULS: uma narrativa visual de Barbados aliado ao Destination Branding é um projeto experimental feito como Trabalho de Conclusão de Curso composto de uma reflexão sobre o Destination Branding aplicado ao turismo, através uma exposição virtual produzida após caminhadas fotográficas feitas ao redor da ilha de Barbados e um folheto impresso organizado pela autora. O projeto relata as experiências da autora durante essas caminhadas, que tiveram como metodologia a figura do flâneur e posteriormente do @_Rawsouls.

Palavras-chave: Destination Branding, Barbados, narrativa visual, turismo.

 

ÁTIMO: A RELAÇÃO ENTRE PUBLICIDADE E CONSUMO A PARTIR DO

FORMATO AUDIOVISUAL DAS WEBSÉRIES

Autores: Guilherme Urbano Dias da Silva, Hugo Rezende Bittencourt, Renata Borges Martins Pereira

Orientador: Alexandre Tadeu dos Santos

Resumo: Este trabalho tem como objetivo refletir a relação entre publicidade e consume através da elaboração de uma websérie antológica com quatro episódios, sendo que apenas o episódio piloto foi produzido. Para isso, foi necessário analisar como se dá a relação entre a publicidade e o consumo, deixando claro as circunstâncias em que ocorrem e sua influência na sociedade. Também foi preciso compreender a definição do termo websérie, assim como suas características principais e a importância social desse novo formato audiovisual. Dessa maneira, é possível sinalizar os benefícios e malefícios que esta relação traz para os indivíduos, tanto de forma isolada quanto coletivamente.

Palavras-chave: Publicidade. Consumo. Tecnologia. Audiovisual. Websérie.

 

ATWITCH COMO FORMA DE MANIFESTAÇÃO DO AUDIOVISUAL NA WEB

Autores: Cristian Vargas e Lucas Aleixo Maia

Orientadora: Lara Lima Satler

Resumo: O presente trabalho tem como objeto de estudo as narrativas audiovisuais disponíveis na Twitch, uma plataforma de vídeo por streaming. Tendo como linha de pensamento uma pesquisa que busca entender a narrativa audiovisual produzida na plataforma de streaming Twitch, avaliando como a interatividade de seu meio interfere e molda a forma que se constrói a narrativa. O conceito de um audiovisual dentro da web é construído ao longo do trabalho a partir de autores como Marshall McLuhan, Sonia Montaño La Cruz e Ana Paula Rodrigues. Para a produção teórica é mesclada a escrita, a delimitação de público, a coleta de dados, a checagem e a ética, formando assim uma representação do audiovisual dentro da plataforma, a respeito da experiência de conectividade, da produção de conteúdo, do ambiente virtual e da interface. Concluindo que a forma interativa de se fazer o audiovisual na Twitch interferiu ao longo do tempo na construção de conteúdo, até se configurar no modelo atual, em que a conexão entre produtor e espectador é que ditam o caminho da narrativa.

Palavras-chave: Audiovisual na web; streaming; plataforma; Twitch.

 

CACHOS: A NOVA ONDA DAS MARCAS: UM ESTUDO SOBRE A IDENTIFICAÇÃO DE MULHERES CRESPAS E CACHEADAS COM A PUBLICIDADE ATUAL

Autora: Viviane Alves Pinheiro

Orientadora: Janaína Vieira de Paula Jordão 

Resumo: Este trabalho possui como objetivo analisar e compreender acerca da identificação das mulheres crespas e cacheadas com a publicidade atual. Para tanto, o método utilizado para descobrir se as mesmas se sentem representadas pelo que está sendo veiculado atualmente foi uma pesquisa qualitativa com entrevistas semiestruturadas de caráter exploratório. As entrevistas ocorreram de forma presencial, sendo compostas por cinco mulheres (duas crespas e três cacheadas) residentes da cidade de Goiânia com diferentes perfis de etnia, classe social, formação acadêmica e idade. Os resultados obtidos foram satisfatórios, onde as principais considerações finais trazem uma visão positiva acerca da publicidade atual, onde a mesma vai muito além do seu objetivo mercadológico, atuando como fator de encorajamento na vida da maioria das entrevistadas, mas com ressalvas. Pode-se concluir que a publicidade consegue representar as mulheres de cabelos crespos e cacheados em partes, mas que ainda possui falhas e está longe de ser o ideal.

Palavras-chaves: publicidade; representatividade; cabelo; crespo; cacheado

 

DR.FANTÁSTICO: OU COMO COMECEI A ENTENDER A GUERRA FRIA PELA ANÁLISE FÍLMICA

Autor: Gabriel Pavetits Machado de Araújo

Orientador: Daniel Christino

Resumo: O presente trabalho visa fazer uma análise do filme Dr. Fantástico (1964), dirigido por Stanley Kubrick e baseado no livro “Alerta Vermelho”, de Peter George. Nos capítulos introdutórios veremos um resumo geral do confleto e entendemos as nuances que permeiam a dinâmica entre os países protagonistas: União Soviética e Estados Unidos. Após essa introduceão sera feita a análise fílmica, pensada de forma a jogar luz em quatro pontos: narrative, mise-en-scène, jogo de cena e enquadramento. A partir desses parâmetros, descobrimos como Kunrick construiu seu comentário sobre alguns dos principais atores e pontos da Guerra Fria. Concluímos com a demonstração de que, talvez, países antagonistas não estejam tão distantes assim dentro do conflito, chegando ao ponto de trabalhar em conjunto para tentar impedir uma possível Guerra nuclear.

Palavras-chave: Dr. Fantástico, Guerra Fria, Análise Fílmica

 

NETFLIX E A REPRESENTAÇÃO LGBT: ESTUDO DE CASO DAS ESTRATÉGIAS DE COMUNICAÇÃO DA SÉRIE ORANGE IS THE NEW BLACK

Autora: Sofia Silva Martins

Orientadora: Sharmaine Caixeta

Resumo: O presente trabalho analisa as estratégias de comunicação que foram utilizadas na página do Facebook para a campanha da terceira temporada da série Orange Is The New Black. O recorte temático engloba as mudanças históricas que afetaram o público LGBT, a ascensão da Netflix e o despontar das mídias sociais. Serão abordadas as transformações sócio-culturais que possibilitaram o surgimento do streaming, tendo a popularização da internet como aspecto crucial para este processo. Dessa forma, o estudo compreenderá o público ao qual a campanha se destina, o contexto que possibilitou o surgimento da série e a plataforma que propicia o contato entre ambos.

Palavras-chave: estratégias de comunicação; mídias sociais; streaming; Netflix; Orange Is The New Black.

 

O DESAFIO DE UMA BOA XÍCARA DE CAFÉ: A IDENTIDADE VISUAL DE UMA LUDOCAFETERIA

Autora: Ana Carolina Rabelo Vaciloto

Orientadora: Sharmaine Caixeta

TRABALHO GRÁFICO

Resumo: Este trabalho objetiva a criação de uma identidade visual para a Torre do Café, uma empresa embrionária, neste projeto denominada como uma ludocafeteria – junção de uma ludoteca e uma cafeteria – que pretende entrar no mercado em alguns anos. O foco é a criação de uma marca gráfica e um manual de marca para que a Torre do Café possa iniciar o seu processo de entrada no mercado já com uma base visual construída e suficientemente sólida para facilitar seu posicionamento futuramente e contribuir no processo de abertura do negócio. Para tanto, o processo de design de identidade visual de marca é utilizado para estruturar este trabalho, sendo a principal metodologia usada a de Alina Wheeler (2012).

Palavras-chave: Empreendedorismo. Identidade Visual. Marca. Branding.

 

OLHARES DO CHORINHO: UM FOTOLIVRO SOBRE O PROJETO “GRANDE HOTEL VIVE O CHORO”

Autor: GUILHERME HENRIQUE NARCISO ALVES

Orientadora: Ana Rita Vidica

Resumo: Projeto experimental, feito como Trabalho de Conclusão de Curso, composto por uma reflexão teórica sobre o processo de construção de um fotolivro que busca perceber as alterações que o projeto Grande Hotel Vive o Choro (o Chorinho) provoca no espaço que ocupa. Na apresentação teórica o projeto trata do processo de reconhecimento e registro fotográfico do espaço do Chorinho, bem como a transformação desses registros fotográficos em uma narrativa, passando pela confecção do fotolivro.

Palavras-chave: Fotografia; Fotolivro; Cidade; Goiânia; Grande Hotel Vive o Choro.

  

O INFLUENCIADOR DIGITAL E AS MARCAS: UMA PARCERIA A FAVOR DO MARKETING SOCIAL

Autor: Alexandre Rodrigues Soares

Orientadora: Letícia Segurado Côrtes

Resumo: O presente trabalho consiste em identificar o tipo de colaboração que o influenciador digital deve exercer ao se associar às marcas para a realização marketing social. O digital influencer, como também denominado, é aqui considerado o novo formador de opinião, pore star presente cada vez mais nas plataformas digtiais e conseguirem influenciar uma parcela de seus seguidores. Sào diferenciadas as acepções acerca do marketing social, como a filantropia empresarial, investimento social privado e marketing relacionado a causas. Trata, ainda, da concepção de sociedade e dos principais components envolvidos nas redes sociais. Sobre as princiapis redes sociais, tendo como foco o instagram, são apresentadas as funcionalidades mais utilizadas de cada uma. Este trabalho apresenta, também, a biografia e os trabalhos da influenciadora digital, Rafa Kalimann, e seu Projeto Social “Espalhe a Luz”, bem como as ações desenvolvidas ao lado das marcas na finalidade de angariar fundos para açòes de caráter social. Busca-se responder a seguinte questão: “Qual o papel da influenciador digital, especificamente da Rafa Kalimann, na interlocação das marcas com ações de marketing social no Projeto ‘Espalhe a Luz’?”. O método adotado baseou-se na entrevista em profundidade realizada com a influenciadora digital em questão.

Palavras-chave: marketing social, marcas, responsabilidade social, formador de opinião, influenciador digital.

 

“O QUE É SER PUBLICITÁRIO?”: UM STORYTELLING PARA A UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS

Autores: Mirely Rodrigues da Silva Santos, Murilo Vilela Carvalho, Wesley Lúcio Vaz Filho

Orientadora: Thalita Sasse Fróes

Resumo: As mudanças no comportamento do consumidor podem estar relacionadas ao modo como as mensagens publicitárias são recebidas, uma vez que no cenário atual os indivíduos possuem uma atenção mais fragmentada devido ao alto fluxo de informações. Neste contexto, as narrativas baseadas no Storytelling podem ser aplicadas à publicidade a fim de oferecer às marcas o estabelecimento de uma conexão com o seu público-alvo. A partir disso, propõe-se a criação de uma narrativa transmidiática que tem como objetivo oferecer informações aos estudantes do ensino médio das escolas públicas a respeito das áreas de atuação do curso de Publicidade e Propaganda da Universidade Federal de Goiás.

Palavras-chave: Publicidade. Storytelling. Transmídia.

  

ROTEIRO DE DOCUMENTÁRIO MULHERES PROTAGONISTAS: REGISTRO DOCUMENTAL COM FOCO NA RELAÇÃO DE MULHERES NEGRAS COM A SOCIEDADE PELO RELATO DE SUAS TRAJETÓRIAS

Autoras: Ana Clara Rodrigues Seixas e Carolina Stefay Carvalho Cruz

Orientador: Rafael Franco Coelho

Resumo: O tema apresentado propõe a roteirização de um registro documental que possui como foco retratar a relação da mulher negra com a sociedade através dos relatos de suas trajetórias, trajetórias essas que possuem familiaridade com o machismo e o racismo presentes em seus cotidianos e as limitações pelas quais passam decorrentes dele. Se existe identificação entre ela e o conteúdo midiático ao qual tem acesso. Como e quando perceberam ser subalternizadas e como conseguiram abrir portas para seu sucesso. O roteiro será construído com base em entrevistas com grupo focal de mulheres negras convidadas pelas autoras. O recorte desse projeto enfoca gênero e raça, falando com, sobre e para mulheres negras. O objetivo desse trabalho é criar o roteiro para documentário sobre a realização profissional e pessoal da mulher negra, embasado por fundamentação teórica referente a subalternidade, representatividade, gênero, classe e quebra com a submissão; demonstrar o domínio da técnica para a escrita e composição do roteiro documental e relatar a partir dele o crescimento das mulheres selecionadas para ilustrá-lo.

Palavras-chave: Mulher negra, representatividade, roteiro, registro documental.